<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d37983758\x26blogName\x3dAnucha+Melo\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://anuchamelo.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_BR\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://anuchamelo.blogspot.com/\x26vt\x3d5035176595317743179', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
terça-feira, janeiro 23, 2007
O silêncio grita aqui dentro!



Ah, não vão pegar no meu pé pro que eu vou dizer agora, não, ta? Mas eu A-D-O-R-E-I o filme “O amor não tira férias”, com Cameron Diaz, Jude Law e Kate Wislet. Fala de amor, sim. É água com açúcar, sim. Tem final feliz, sim. Me fez chorar por duas ou três vezes, sim. Vou recomendar, sim. Quando a vida não está assim tuuuuuuuuuudo 100%... não gosto de ver filme denso, que faz pensar, que fala de questões filosóficas, políticas, enfim. Bom é trazer pra casa filminho besta, que faz a gente rir, devaneiar, suspirar. E esse filme fez isso comigo. A lição? Não adianta marcar hora, apressar o passo, botar o carro à frente dos bois. Quando tiver que ser... simplesmente será.
Notícia triste do dia. Não. Da semana. Não. Da década. Um imbecil formatou o computador que eu uso na Fundação e jogou fora dois anos de arquivos importantíssimos. Dados, estatísticas, releases, ofícios, memos e toda sorte de textos que eu guardava pra um dia pôr no blog. Imagina aí... Agora, joga as tintas e tenta realizar como eu fiquei, como eu estou e como vai ser. Trabalhão. Vou passar os próximos três meses tentando levantar informações sobre cada setor do meu trabalho e fazer um novo arquivo de dados. E, claro, gravar tudo num CD. Humpf!!!

“...como fazer
do silêncio
a resposta
que preciso
e mais nada
– que tudo finda?”
(Geórgia)

p.s.: a foto foi o César que fez na ida pra São Paulo em novembro.
postado por Anucha Melo @ 8:37 PM 





0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial